28/11/2020

Let It Grow: Top 10 dicas de jardinagem para iniciantes – Wit & Delight

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Top 10 dicas de jardinagem para iniciantes |  Sagacidade e prazer
Foto de Melissa Oholendt

Como visto anteriormente em Wit & Delight

Nota do editor: À medida que os dias continuam a esquentar e avançamos em direção ao coração do verão, estamos desenterrando (você entendeu?) Este post escrito por Monique Seitz-Davis em 2018. Abaixo, você encontrará Monique’s dez principais dicas para jardinagem como um profissional. Esperamos que as palavras dela sejam úteis e aplicáveis ​​a todos os seus futuros empreendimentos de plantio. Tenham um bom final de semana pessoal.


Na minha humilde opinião, uma das maiores recompensas da vida é comer um tomate cereja aquecido pelo sol direto da videira. Entre a satisfação imediata com o lanche, o exterior ágil e os sabores sutilmente ricos, é difícil dar errado com uma experiência tão gratificante – especialmente quando você é o cérebro por trás de seu crescimento e esplendor. Dito isto, você pode cultivar tudo o que quiser com a melhor das intenções, mas às vezes as coisas simplesmente dão errado. Portanto, se você é presenteado com um polegar verde ou não, deixe nossas dicas de jardinagem ajudar você e suas plantas a florescer com recompensa frutífera.

1. Conheça sua zona de plantio.

Antes de começar o plantio ou o planejamento, você precisa saber em que zona de plantio está localizada. As zonas de plantio (também conhecidas como regiões) são amplamente determinadas pelas faixas climáticas de uma área geográfica – portanto, um estado como Vermont terá uma zona de plantio diferente da de Utah. Por fim, as zonas de plantio visam ajudar as plantas a prosperar e sobreviver e, portanto, garantir que os jardineiros tenham uma colheita abundante. Para descobrir em que zona você está, visite o Mapa da Zona de Resistência às Plantas do USDA.

Leia Também  As melhores combinações de calças e blazer masculinos

2. Crescer para o sucesso: contêiner vs. canteiro elevado.

Depois de identificar sua região de plantio, determine que tipo de abordagem de jardinagem é mais adequada para sua casa ou estilo de vida. Por exemplo, quem mora em um apartamento da cidade pode se candidatar a uma horta comunitária ou tentar jardinagem em contêineres – ou, para pessoas que possuem ou alugam uma casa, jardinagem cama levantada é uma ótima opção para iniciantes e experientes polegares verdes. Por fim, a jardinagem não discrimina: tudo o que você precisa é de um pouco de solo, sementes (ou plantas), luz do sol, água e amor.

3. Consiga um bom solo.

Aceite isso de alguém que aprendeu da maneira mais difícil: exuberante, solo fértil é uma parte extremamente importante de um jardim de sucesso. Então, se você pretende plantar diretamente no solo existente, must-must-must-must teste seu solo antes de abrir caminho. O solo pode conter qualquer miríade de juju ruins e toxinas terríveis que você não deseja em suas frutas ou legumes. Para testar seu solo, entre em contato com o programa agrícola de uma universidade local ou faça um teste de bricolage com um kit em casa. No entanto, se você estiver começando do zero (seja em um contêiner, em um canteiro elevado ou em um espaço recém-escavado), desejará ter partes iguais – vermiculita, composto composto e turfa.

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

4. Compre o que você gosta.

Não sei dizer quantas vezes fiquei excitado demais com a venda de plantas, comprei coisas que não gosto de comer (re: couve-rábano) e depois negligenciei a referida planta. Sinto-me péssima por ter feito coisas tão cruéis com meus bebês de plantas, mas aprendi uma lição valiosa: semeie sementes e compre plantas que você gosta de comer ou que deseja compartilhar com outras pessoas quando o tempo da colheita chegar. Essa abordagem o ajudará a manter a emoção e o amor pelo seu jardim, porque (se eu estou sendo totalmente honesto), às vezes, os jardins e as responsabilidades que os acompanham podem ser persistentes, irritantes e uma dica inconveniente. Eu recomendo que todos os jardins tenham uma planta amiga dos polinizadores a reboque. Seja leiteiro, flores silvestres ou girassóis, a escolha é sua – apenas certifique-se de plantar algo para as abelhas!

5. Crie um calendário específico para jardinagem.

Para ajudá-lo a acompanhar as tarefas de jardinagem ou as datas da colheita, pegue um calendário para anotar as tarefas de jardinagem. Ou, melhor ainda, faça um reutilizado com sacos de papel velhos – você não precisará de um calendário de ano inteiro para fins de jardinagem, para que você possa facilmente fazer uma versão alterada de 5 meses, se quiser.

6. Água com TLC e atenção.

A melhor hora para regar é no início da manhã, antes que o sol esteja muito forte e no final da noite. Além disso, você vai querer regar na base da planta; NÃO molhe as folhas – a água restante pode queimar as folhas ou induzir a doença de esporos mofados (nenhuma das quais você deseja). No final do dia, tA maneira mais fácil de amar em suas plantas é dar-lhes um pequeno CPT com água e atenção. Algumas plantas precisam de mais água que outras, por isso não deixe de ler sobre o instruções de rega para cada planta. É muito fácil regar demais as plantas – isso pode convidar pragas indesejadas ou causar podridão ou mofo nas raízes, o que, por sua vez, pode matar seus preciosos bebês.

7. Remova ervas daninhas com frequência e fique de olho nas pragas.

Costumo ver as ervas daninhas como plantas mal colocadas, mas, no que diz respeito ao seu jardim, as ervas daninhas podem ser prejudiciais e impedir o crescimento ou o sucesso de suas plantas. Não apenas isso, mas as ervas daninhas também podem incentivar a visita prolongada de pragas e doenças, é recomendável manter a manutenção geral do seu jardim. Eu recomendo a remoção de ervas daninhas o mais rápido possível para evitar que pequenas ervas daninhas se transformem em problemas maiores.

8. Aprenda a amar a sazonalidade.

Por mais que você queira que essas mudas de tomate se transformem em mega monstros que produzem frutas da noite para o dia, você precisará ser paciente. O crescimento das plantas geralmente leva tempo, então aprenda a aproveitar o longo (e às vezes prolongado) processo de sazonalidade.

9. Conheça as datas da sua colheita.

No calendário do seu jardim, anote quando os frutos de suas plantas estarão prontos para a colheita. É extremamente fácil ficar animado e desenterrar preventivamente as batatas ou colher um tomate da videira antes de amadurecer, mas salve a dor de fazer isso. o Almanaque do Velho Agricultor é um recurso valioso e possui uma riqueza de conhecimentos para ajudá-lo a descobrir quando é a data de colheita de uma planta.

10. Aproveite e compartilhe os frutos do seu trabalho.

Esteja você planejando um jantar de colheita ou pastando tomates cereja aquecidos pelo sol, certifique-se de aproveitar e compartilhar os momentos que vierem. Se você está procurando inspiração para pratos vegetarianos sazonais, um dos meus livros favoritos é O Paladar Político: Um Livro de Receitas Vegetariano Feminista. Infelizmente, a primeira edição ficou fora de catálogo, mas o segunda e terceira edições ainda estão disponíveis.

Se você acabar usando alguma de nossas dicas de jardinagem, ou tiver suas próprias sugestões, deixe um comentário e deixe-nos saber as informações privilegiadas!

Leia Também  Vida no Limbo: uma atualização de coronavírus |



cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *